OBRAS  DE MARIE-LOUISE VON FRANZ

Marie-Louise von Franz nasceu em 1915 em uma família austríaca que veio se fixar na Suiça depois de 1918. Depois de terminado seus estudos literários, ela se encontra com o homem que iria mudar toda a sua vida: Jung. Ela veio a falecer em Fevereiro de 1998.

Aprofundou-se no estudo da Alquimia e se tornou uma colaboradora importante na tradução dos textos em grego e em latim.

Tornou-se uma Analista e participou de vários trabalhos junto com Jung. Von Franz publicou vários livros, em particular sobre a interpretação dos contos de fadas.

Além de sua brilhante carreira como psicoterapeuta e escritora ela ainda construiu uma brilhante carreira como professora e conferencista no Instituto C.G. Jung de Zurich

jadebar.gif (1445 bytes)

ADVINHAÇÃO E SINCRONICIDADE - A psicologia da probabilidade significativa São Paulo: Cultrix, 1985 - 147 p. Reune cinco palestras proferidas pela autora  no Instituto C. G. Jung de Zurique sobre o  significado do irracional, nas quais examina o fundo psicológico do  tempo, do número e dos métodos de advinhação. Nesse trabalho, Marie-Louise  von Franz explica idéias de Jung sobre  arquétipos, projeção, energia psíquica e sincronicidade.
ALQUIMIA - Introdução ao simbolismo e à psicologia - São Paulo: Cultrix, 1985 - 248p. Introdução aos estudos alquímicos de Jung,  escrito por uma de suas mais íntimas colaboradoras.
ALQUIMIA E A IMAGINAÇÃO ATIVA  (A) - São Paulo: Cultrix, 1992 - 154 p. Coletânea de seis palestras proferidas pela autora no Instituto C. G. Jung de Zurique sobre os aspectos psíquicos da alquimia e sobre os exercícios de imaginação ativa presentes na tradição alquímica.
CAMINHO DOS SONHOS  (O) em conversa com Fraser Boa  São Paulo: Cultrix, 1992 - 242 p. Nesse livro, Marie-Louise von Franz, em   conversa com Fraser Boa, explica a teoria científica da análise dos sonhos.
C. G. JUNG: Seu mito em nossa época  São Paulo: Cultrix, 1992 - 281 p. A autora trabalhou com Jung de 1933 até 1961, ano da  morte do  psicólogo suíço. Nesse livro, numa belíssima homenagem à Jung, ela percorre a trajetória do desenvolvimento dos conceitos junguianos básicos: inconsciente coletivo,  arquétipo, tipos psicológicos, imaginação ativa, processo de individuação; traçando um  quadro de sua evolução, desde as origens até a definitiva documentação.
FEMININO NOS CONTOS DE FADAS Petrópolis: Vozes, 1995 - 262 p. Estudo que procura elucidar aspectos complexos e obscuros a respeito dos arquétipos da Anima e do Animus e a influência auqyetípica que exercem na relação homem - mulher, geralmente comprometida pelas projeções resultantes dessa dinâmica arquetípica.
FUNÇÃO INFERIOR (A) -  Descreve a dinâmica dos  tipos psicológicos revelando a importância da função inferior por meio da qual os potenciais e as fragilidades  de cada um deles são conhecidos.
INDIVIDUAÇÃO NOS CONTOS DE FADA (A) - São Paulo:  Paulus, 1984 - 275 p. Von Franz propõe a análise da estrutura e do dinamismo  dos contos de fada escolhendo alguns dos mais típicos que tratam da individuação.
INTERPRETAÇÃO DOS CONTOS DE FADA (A) São Paulo:Paulus, 1981 - 242p. Trata-se de um exame completo dos estudos já  realizados retomando as várias teorias sobre a origem, a natureza, e a interpretação dos contos de fada. Apresenta uma análise detalhada de um tema específico e um capítulo especial sobre a Anima, Animus e Sombra.
PSICOLOGIA DA PROBABILIDADE SIGNIFICATIVA (A) São Paulo:Cultrix, 1985
PSICOTERAPIA São Paulo: Paulus, 1999 - 350 p. Von Franz recorre aos seus muitos anos de experiência prática da psicoterapia, ao seu  conhecimento dos métodos Junguianos e seus vastos interêsses em mitologia para esclarecer tópicos como: Propjeção, Transferência, interpretação de sonhos, imagnação ativa e muitos outros.
PUER AETERNUS- A luta do adulto contra o paraíso da infância São Paulo: Paulus, 1992 - 315 p. Nesse livro, Marie-Louise von Franz explora o potencial negativo do puer e sua relação com o complexo materno, o donjuanismo e a homossexualidade, a partir da análise que faz de O pequeno Princípe, de Antoine de Saint-Exupery, e de O reino sem espaço, de Bruno Goeltz.
REFLEXOS DA ALMA - Projeção e recolhimento interior na psicologia de C.G.Jung  São Paulo: Cultrix/Pensamento, 1992 -  226  p.  A autora analisa o fenômeno da projeção e a forma como deve ser trabalhada essa questão. Ela afirma que o conhecimento   racional  não  permite ao indivíduo lidar com a projeção de forma criativa.
SIGNIFICADO PSICOLÓGICO DOS MOTIVOS DE REDENÇÃO NOS CONTOS DE FADA  São Paulo: Cultrix,  1985 - 160 p. Coletânea de sete conferências proferidas no Instituto C. G. Jung de Zurique em que a autora procura demonstrar a importância dos contos de  fadas  para a compreensão do processo de amadurecimento psicológico.   
SOMBRA E O MAL NOS CONTOS DE FADAS  (A)  São Paulo: Paulus, 1985 - 351 p O texto desse livro foi extraído de duas  séries  de conferências proferidas pela autora no Instituto C. G. Jung, de Zurique. A primeira, em 1957,  centrada no tema  "O problema da  Sombra   nos  Contos de Fadas" E a segunda, em 1964, que focaliza o tema "Lidando com o Mal  nos Contos de Fada". 
SONHOS E A MORTE(OS) - Uma interpretação junguiana  São Paulo: Cultrix, 199O - 215 p.Uma abordagem sobre os sonhos de pessoas de meia-idade e de pessoas prestes a morrer. A autora identifica nos conteúdos desses sonhos a presença de imagens simbólicas e míticas peculiares que se destinam a transmitir mensagens específicas sobre esses estados.
& Hillman,James - TIPOLOGIA DE JUNG  São Paulo: Cultrix, 1990, 219 p.Compõe-se de dois textos básicos de cada autor sobre a tipologia junguiana.

home.gif (8954 bytes)

e-emaildove.gif (4368 bytes)

bkpile.gif (3551 bytes)Voltar à Bibliografia

top.gif (1137 bytes)

Criada em 28 Jul 2000

amapa.gif (1202 bytes) Mapa do Site

Última Atualização em 11 out 2010